20150209214144_660_420

Robô do Google é capaz de ficar em pé mesmo depois de ser chutado

A Boston Dynamics, empresa de robótica comprada pelo Google em 2013, revelou um novo modelo de robô inspirado em animais. A empresa apresentou o Spot, uma nova versão menor, mais ágil e equilibrada do WildCat, outra máquina impressionante mostrada pela empresa no passado.

Para mover seus mais 72,5 quilos, o Spot utiliza energia elétrica para mover por hidráulica em duas velocidades: caminhada e corrida. Utilizando sensores, ele pode reconhecer o terreno em volta dele, o que possibilita a subida de escadas ou pequenos morros.

Mas o que realmente impressiona no Spot é sua capacidade de se manter em pé mesmo quando uma pessoa dá um chute com força com o objetivo de desestabilizá-lo. É interessante como suas pernas se ajeitam de forma quase biológica para manter o robô em pé.

 

Robôs como o Spot podem ser usados para acessar áreas perigosas demais para os humanos, ou para entrar em localidades com terrenos irregulares demais para robôs comuns e inacessíveis para drones.

A Boston Dynamics nasceu a partir do MIT em 1992 e logo começou a participar de projetos militares. Entre seus projetos conhecidos estão a Cheetah, que simula um animal e consegue correr em altas velocidades e o Atlas, um robô humanoide criado para trabalhos externos.

Quando o Google adquiriu a empresa, em 2013, ela ainda outros contratos, incluindo um projeto de US$ 10,8 milhões com a DARPA (Agência de Projetos de Pesquisas Avançadas para Defesa dos EUA). Contudo, o Google diz que não pretende ser um fornecedor militar.

Fonte: Olhar Digital

Deixe uma resposta